Publicidade
FUMACÊ
Segundo a Prefeitura, produto químico não oferece riscos à população e tem eficácia contra o coronavírus

PIÇARRAS - Classificado entre os territórios mais infestados pelo mosquito aedes aegypt em Santa Catarina, o município dá continuidade nas próximas semanas à sanitização das principais vias dos bairros Nossa Senhora da Paz, Santo Antônio, Itacolomi e Nossa Senhora da Conceição.

Segundo a Prefeitura, a pulverização pela técnica conhecida como "fumacê" começou na quinta-feira (25), no centro, e tem continuidade nesta sexta-feira, a partir das 19h.

Publicidade

Desde o início do ano, o município já notificou ao Estado a presença de 490 focos do mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya, zika e febre amarela.

Para se ter uma ideia da situação alarmante, durante todo o ano passado nós tivemos 470 focos. E cidades próximas como Itajaí e Navegantes já estão registrando casos de dengue”, alerta o coordenador do Programa de Controle e Combate à Dengue, André Luiz Ladewig.

Veja aqui o mapa estadual de focos do mosquito

Continua depois da Publicidade

Fumacê em toda a cidade

Na iminência de um surto da doença, a Prefeitura precisou reforçar ações para eliminar locais com acúmulo de água, que permitem a proliferação do vetor.

O produto aplicado por meio do fumacê é um composto de quaternário de amônio, que tem ação anti-microbiana e agentes desinfetantes. 

Segundo a Vigilância, essa substância é diluída para que não seja nociva à população e também é usada para combater a disseminação do novo coronavirus e outros microorganismos.

26 18h picarras dengue 1 3808a

Continua depois da Publicidade

A aplicação é realizada por 16 servidores do Programa de Controle e Combate à Dengue, Vigilância Sanitária, empresa contratada para aplicar o produto e Defesa Civil. 

A equipe começou a sanitização com saída do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), na Avenida Getúlio Vargas. A Avenida Getúlio Vargas, Avenida Emanoel Pinto, Avenida Nereu Ramos e Rua Adolfo Cabral foram contempladas. 

Também realizamos o serviço em ruas que estavam fora do cronograma, como a Rua José Francisco Cabral, Rua João Isabel, Rua Raul Espíndola e Rua Sérgio Vieira, no bairro Santo Antônio, esclarece Ladewig.

Nesta sexta-feira (26), o trabalho chega às ruas:

João de Deus Carvalho, Nossa Senhora do Rosário, Ludgero Caetano Vieira, Alexandre Guilherme Figueiredo, Santos, Altair de Souza, Profa. Rita de Cassia Ignácio, Leondina Gonçalves, Carolina Balt, Rosa Silvino, Pedro Eloi Corrêa, Antônio João Batista, Antônio Manoel Santana, Manoel Tolentino dos Santos e das Azaleias.

Continua depois da Publicidade

Panorama estadual

No período de 03 de janeiro a 13 de março de 2021, foram identificados 21.026 focos do mosquito Aedes aegypti em 187 municípios de Santa Catarina. Um aumento de 81%  em relação ao mesmo período de 2020, quando foram identificados 11.594 focos em 154 municípios, 

O Boletim Epidemiológico do dia 25/03 informa que 108 municípios considerados infestados, entre eles Penha e Balneário Piçarras. O númeroe representa um incremento de 8% em relação ao mesmo período de 2020, que registrou 100 municípios nessa condição.

A definição de infestação é realizada de acordo com a disseminação e manutenção dos focos.   

Confira  o boletim completo

Publicidade
X

Direitos Reservados

No right click